Postura moderna pode levar à dor

Postura moderna

Olá! Você já ouviu falar sobre a postura moderna? Em como ela está ficando pobre? Principalmente no nosso local de trabalho? Recentemente foi publicado um artigo no jornal  Washington Post falando a esse respeito. Fizemos um resumo dele, mas vale a pena conferir o original na íntegra.

Postura moderna

Por Claudia Ramos – Equipe GRAM

Por que a postura moderna no local de trabalho pode levar à dor (e o que fazer a respeito)?

Cabeça pra frente, ombros escorregadios, pelve inclinada. Soa como o corcunda de Notre Dame, na Paris do século XV?

Estamos falando sobre a postura moderna, ou falta dela, e o que ela significa esteticamente (embora desse modo dificilmente seja um ideal de beleza) e funcionalmente para o corpo.

“A má postura pode contribuir para patologias como hérnia de disco, nervos comprimidos, formigamento, alterações articulares e teciduais ficando cada vez mais estreito”, diz Haim Hechtman, médico e co-fundador da Point Performance. O desgastar pode levar à dor à medida que o corpo luta para compensar desequilíbrios enquanto permanece tão ereto quanto possível.

“Nossa percepção do que seja postura neutra ou boa é diferente da realidade”, diz Hechtman, acrescentando que quanto mais durarmos na má postura (anos, décadas), mais difícil será corrigir. “O cérebro se acostuma a uma determinada posição e percebe isso como o que é certo”.

O terapeuta ocupacional e especialista em ergonomia Naomi Abrams, autor de “Why Is My Office a Pain in My. . . ? “, diz que a maioria das pessoas tem pouca percepção da sua própria postura e pode usar alguma ajuda especializada. Mas se não estiver disponível, ele recomenda que um amigo tire uma foto sua em sua mesa sentada ou parada para ver como seus ombros se alinham (ou não) sobre seus quadris e onde sua cabeça é comparada com o resto da coluna vertebral. “Quando você está fazendo yoga, você está pensando em postura e yoga, mas não é realista pensar que você pode se concentrar na postura enquanto trabalha”, diz Abrams. “Nós não agimos como multitarefa. Nós somos tarefas em série. Use as coisas, não permita que elas as usem”, completa.

Original: https://www.washingtonpost.com/lifestyle/wellness/stand-up-straight-or-your-body-will-suffer/2017/05/16/27ee8b00-3595-11e7-b373-418f6849a004_story.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *